sábado, 5 de junho de 2010

absolution

Dualidade. Dicotomia.
Dizes que sentes com a razão, mas mentes.
Dizes que o coração não te serve de nada, que só entretém a tua pobre mente.
Mas mentes.
A dor é ainda maior por vir da mente e por não a quereres sentir.
Por a quereres fingir e não lhe conseguires fugir.
Mas por outro lado o coração traz-te outra realidade
essa talvez um pouco fingida
mas daquelas que te traz uma alegria tal que nem queres saber.
Sabe-te bem, é só o que importa.
E por isso deixas-te levar, como que pela maré.
Enganado pelo coração, agora sim.
Mas feliz.
Tens de aguentar com ambas, embora possas preferir uma ou outra.
Estás livre para escolher.
Com o coração ou não.

3 comentários:

Inês disse...

está tão tão tão giro *.*

Rosa Branca disse...

So, everything is just a big lie.

Raquel Silva disse...

yes it is.