segunda-feira, 8 de março de 2010

the yellow windows of the evening train


Digam o que disserem, é giro estar de ressaca pós-Óscares. Valeu a pena passar a noite de pé, deitar a cabeça apenas às 5 da manhã para dormir uma hora de caracacá. Não custa nada, é uma noite por ano, uma madrugada única. E pronto, o dia seguinte custa um bocado (daqueles) a passar. Estive quase a dormir na aula e, mais tarde, enquanto estudava os mundos capitalista e comunista durante a guerra fria. Mas felizmente a aula de condução correu bem... com chuva e tudo.

Ah, pois, a condução. Está a ser giro :) Vou corrigindo os erros à medida que o senhor me vai dizendo. Quando ele fala comigo enquanto conduzo, atrofio-me toda, mas à parte disso estou a safar-me. Hoje descobri que era de Proença, que fofo. Já ponho (relativamente) bem as mudanças, já tento estacionar de marcha atrás, já andei muito devagarinho e muito depressa, já estou quase a ir para o IC 19, yaaaaaay.

Ah, e o Tiago (que é capaz de ler este post, nunca se sabe) andou desaparecido durante quase uma semana, foi uma coisa doida. O meu subconsciente sentiu a falta dele e fez-me sonhar com a sua pessoa, achais bem? Agora o moço já voltou, aleluia, mas achei piada ao acontecimento. Por seu lado, o Gonçalo fez-me descobrir a faceta mais eureka da minha aldeia e fiquei realmente espantada com o que vi naquela noite,. Adorei as velhotas todas e o bar lá atrás, com bolos caseiros. E gostei do espectáculo, claro, muito bom ;) Próximo sábado, amigos.. futurália here we go!

Por enquanto, os 18 anos... estão na mesma. Ainda não tive oportunidade de realizar algumas das resoluções para este ano que tinham como condição a maioridade. Mas está quase.. quero inscrever-me como dadora de medula o mais rapidamente possível e quero ir ao casino. E quero comprar o bilhete para o RiR, embora isto não tenha nada a ver. Os meus movimentos de independência são muito supérfluos, I know. É ir até à escola de condução e voltar, weee, que bom.

Esta quinta-feira... é a concretização do projecto de AP *-* Vamos dar a aula aos meninos do 4º ano, o que me põe com os nervos em franja. Mas com muita ansiedade, expectativa, curiosidade também. Tenho tanto para lhes contar sobre o 25 de abril :) e coisas tão giras. Espero que corra bem, mesmo, mesmo, mesmo, mesmo, mesmo, mesmo, mesmo.. MESMO!

1 comentário:

.Tiago Vitória disse...

Estive lá perto? Nem me digas nada, fiquei assim O:

O "Hurt Locker" mereceu os prémios (já viste?) eu já vi e gostei muito, é muito duro, mas muito real. E por um lado, a academia decidiu - finalmente - premiar o talento, em detrimento da popularidade, isso é de louvar. Mais uma vez (não gosto de ser repetitivo, mas eles obrigam-me), o Tarantino não levou nada. Devia ter levado o de melhor argumento e realizador, sem dúvida nenhuma!

Já parece a história do Scorsese, toda a gente gosta, toda a gente fala, toda a gente bate palmas, mas no fim de contas, prémios: estão onde ninguém sabe. No caso do Scorsese, depois de tantos filmes brilhantes lá conseguiu ganhar um Óscar com o "Departed", vamos lá ver se o Tarantino ganha para a próxima.

:b btw, adorei a entrada do Patrick Harris (o Barney) no início :DDDD